< voltar / back

Ossos do Sertão

2020
7'30
Vídeo
câmera: André Penteado
performer: Marluce da Silveira Barreto Girotto

O trecho que segue é o excerto de uma carta que escrevi para a minha mãe. Eu a convidei para ler e a filmei enquanto isso.
Esta carta relata como eu me deparei com os apagamentos de sua origem sertaneja em mim e também nela e como, mesmo depois de anos de pesquisa, ainda não encontrei a palavra que descreve a experiência de eu ter sido ao mesmo tempo agente e experiência deste apagamento.

Bones of the Sertão

2020
7'30
Vídeo
camera: André Penteado
performer: Marluce da Silveira Barreto Girotto

This is the excerpt from a letter I wrote to my mother. I invited her to read it and filmed her while doing so.
This letter relates how I faced the erasure of her Northest origins in me and also in her, and how, even after years of research, I still have not found the word that describes the experience of I having been both agent and experience of this erasure.